Flicampos 2018 já está acontecendo

12/06/2018

Atrações integram o Ano da Cultura Paranaense e valorizam a literatura regional

 

Iniciou na segunda-feira (11/06) a 7ª edição do Festival Literário dos Campos Gerais (Flicampos) com palestras no Cine-Teatro Ópera, a partir das 19h, com entrada gratuita.

 

A proposta para 2018 é debater a literatura no Paraná, conta com falas interativas com escritores convidados, intervenções literárias dentro de ônibus do transporte coletivo municipal, recitais em escolas da rede estadual de ensino, espetáculos de teatro no Calçadão e exposições literárias.

 

A programação abriu com o jornalista e escritor Luís Henrique Pellanda, autor dos livros ‘O macaco ornamental’, ‘Nós passaremos em branco’ e ‘Asa de sereia’, e organizador dos dois volumes da antologia ‘As melhores entrevistas do Rascunho’. Foi editor do site de crônicas ‘Vida Breve’, trabalhou nos jornais Gazeta do Povo e Primeira Hora. Foi finalista do Prêmio Jabuti 2012 na Categoria Contos e Crônicas com o livro ‘Nós Passaremos em Branco’.

 

A palestra do segundo dia de evento, terça-feira, 12, será com Henrique Schneider. O autor publicou o primeiro livro, ‘Pedro Bruxo’, na época da faculdade. No ano de 2009, por voto direto, foi eleito patrono da Feira Regional do Livro de Novo Hamburgo. Em 2012, foi patrono da 16ª Feira do Livro de Lindolfo Collor. ‘Setenta’, o mais recente livro de Schneider, foi o vencedor na categoria Romance do Prêmio Paraná de Literatura 2017. Além dos livros individuais, Henrique participou de diversas antologias. Possui textos publicados na Espanha, México e Argentina.

 

A terceira palestrante, no dia 13, será Etel Frota. Nascida em Cornélio Procópio (PR), atua como poetisa, letrista, roteirista, com algumas incursões pela dramaturgia. Sua produção como letrista de canções abrange uma enorme gama de gêneros musicais (do erudito à música caipira). Em 2004 trabalhou na peça ‘Vila Paraíso’, com direção de Fátima Ortiz, e recebeu três indicações ao Prêmio Gralha Azul, ganhando a categoria Melhor Figurino. Ganhou vários prêmios na área da música, entre eles o ‘Prêmio Grão de Música 2016’. Antes da palestra, os clubes de leitura Só Garotas e Leia Mulheres fazem um encontro intitulado ‘Mulher e Literatura’, com sarau e leitura de textos.

 

A programação encerra na quinta-feira, 14, com o escritor londrinense Domingos Pellegrini, com mediação de Miguel Sanches Neto. Eclético, tem mais de trinta livros publicados, entre romances, novelas, crônicas, infanto-juvenis, poemas e contos. Foi vencedor do Prêmio Jabuti em 1977 com o livro ‘O homem vermelho’, primeira obra publicada. Entre 1989 e 1992, assumiu a Secretaria de Cultura de Londrina. Em 2005 lançou o primeiro livro de poemas próprios, ‘Gaiola Aberta’.

 

No hall do Cine-Teatro Ópera, vários autores ponta-grossenses - integrantes da Academia de Letras dos Campos Gerais, Academia Ponta-grossense de Letras e Artes e Centro Cultural Faris Michaele - irão colocar suas obras para venda. O objetivo é fomentar o consumo de literatura da cidade, nos mais diversos gêneros. A programação completa está disponível no site da Prefeitura de Ponta Grossa e no aplicativo Cultura Paraná.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaques

Congresso Paranaense de Assistentes Sociais recebe cerca de 600 participantes

7/10/2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Assine nossa newsletter
  • Black Facebook Icon
  • Instagram Social Icon

© 2018 por Ponta Grossa Campos Gerais Convention & Visitors Bureau

Rua Comendador Miró, 860, Ponta Grossa PR | info@pontagrossacvb.com.br | (42) 3220-7250

Conteúdo: Yukê Comunicação