top of page

141mil pessoas visitaram o Parque Histórico em 2022

Texto: Ascom Parque Histórico de Carambeí


Em janeiro de 2023 passaram 11 mil visitantes pelo museu e a coordenação está otimista para bater mais um recorde de público


O Parque Histórico de Carambeí, maior museu histórico a céu aberto do Brasil, celebra o crescimento na visitação no ano de 2022. O museu situado no interior do Paraná, em uma cidade com cerca de 24 mil habitantes segundo dados do IBGE de 2021, recebeu mais de 141 mil visitantes durante o ano passado.


Historiadora e coordenadora cultural do Parque Histórico, Karen Barros fala sobre aumento considerável do público comparado ao ano de 2021, onde passaram mais de 109 mil visitantes pela instituição. Reforça que o fim do período pandêmico possibilitou a crescente busca por atividades culturais. “No ano de 2022 o museu recebeu um aumento significativo na visitação em relação ao ano anterior, esse cenário é de um turismo pós pandemia de covid-19. Finalmente a retomada do setor cultural está acontecendo e as pessoas estão se sentindo seguras para as atividades de lazer”.


O número de visitantes superou o ano de 2019 em que passaram mais de 133 mil pessoas pelo museu. Nesse período a instituição estava com uma extensa agenda de atividades. Após um período pandêmico, a instituição foi cautelosa ao retomar seu calendário de atividades. Em 2022, foram realizados apenas dois grandes eventos do calendário cultural, o Natal no Parque que atrai um grande público contou com uma programação enxuta.


“Não é de hoje que o Parque Histórico de Carambeí está entre as instituições mais visitadas da região e do Sul do país, isso é um reflexo do trabalho realizado pelo museu. No ano passado não tivemos todos os nossos eventos culturais, então esse número é bastante expressivo”, explica a coordenadora.


Pensando no bem-estar do público, em atender a todos de modo que respeite a individualidade de cada um, o Parque Histórico adotou medidas que tornam o espaço democrático.

“Sempre buscamos trazer boas experiências ao nosso visitante, sejam essas culturais ou de acessibilidade, como áudio guia das exposições, placas em braile, rampas de acesso, carrinho elétrico e cadeiras de roda. É um trabalho contínuo que busca ser ampliado para os próximos anos”, ressalta Barros.

Um espaço para todos, isto que a coordenação da instituição busca. Assim, entre tantas práticas de acessibilidade, a visita gratuita aproxima o público e permite que muitos tenham acesso ao museu. “Um museu democrático e integrado a sociedade precisa fazer esse papel, o Parque já conta com algumas políticas de democratização do acesso, como entrada gratuita toda quarta-feira e em semanas temáticas, além da isenção de ingresso para moradores de Carambeí cadastrados. Ficamos felizes com o apoio da comunidade que bateu recorde de visitação em 2022, foram 39.718 gratuidades registradas”, anima-se a historiadora.


Em clima de comemoração na crescente visitação ao museu, o mês de janeiro encerrou com 11 mil visitantes. Para este, ano a gestão do museu organizou um calendário repleto de atividades culturais para aproximar o público do espaço de memória.


“Para 2023 preparamos uma agenda cultural bastante agitada para receber o público, nossas tradicionais festas anuais estarão de volta, em conjunto com novas ações educativas e lançamento de exposições. Esperamos receber ao longo desse ano diferentes públicos e estender a relação do museu com a comunidade. O turista pode consultar nossa agenda no site do museu e nas nossas redes sociais e se programar viver essa experiência que é o Parque Histórico”, finaliza a coordenadora.

Serviço:

O Parque Histórico de Carambeí abre para visitação de terça a domingo, das 10h às 17h. O ingresso para visitar o museu é R$30,00. A meia entrada, no valor de R$15,00 é destinada a professores, estudantes e doadores de sangue. Crianças até 6 anos e pessoas acima de 60 anos são isentas da taxa. Mais informações e agendamento de grupos pelo telefone 42 98433-4639.

Comments


bottom of page